Área do acadêmico Transmissão ao vivo
EN PT ES

Jorge Fonte de Rezende Filho

Nasceu em 21 de maio de 1966, no Rio de Janeiro (RJ).

Filho de Jorge Fonte de Rezende e Carmem de Barros de Castro e Rezende.

Graduou-se em Medicina em 1989 pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Simultaneamente ao seu ingresso (1984) na Universidade, ingressou também no Hospital Geral da Santa Casa de Misericórdia, onde estagiou na 33ª Enfermaria, passando a Interno-Auxiliar em 1987.

Após a graduação, realizou concurso para Residente do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, na área de Ginecologia e Obstetrícia, permanecendo por três anos no Hospital e na Maternidade-Escola (1990-1993).

Foi aprovado no concurso de seleção para o Curso de Especialização em Ginecologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (1990). Estagiou no King’s College Hospital, no serviço do Professor Stuart Campbell, em Londres (1989), onde foi médico visitante em diversas ocasiões. Médico-visitante do Service de Médecine et de Biologie Foetales, no Institut de Puériculture de Paris (1991). Médico-visitante do Department of Obstetrics & Gynecology do Presbiterian Hospital in the City of New York (1991). Médico-visitante da Perinatal Unit of the Department of Obstetrics, Gynecology anda Reproductive Sciences, do Mount Sinai Medical Center (1991).

Já em 1991, realizou Mestrado na Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro, sendo classificado em 1º lugar, com tese sobre “Valores Normais do Dopler da Aorta Descendente e da Carótida Comum do Feto”. A defesa da tese do Doutorado, também pela UFRJ, ocorreu em 1998.

Engajou-se na Pós-graduação da UFRJ, galgando, em 2015, sua retomada, com o início das atividades do Mestrado Profissional em Saúde Perinatal.

Professor Adjunto da Escola de Medicina da Fundação Técnico-Educacional Souza Marques desde 1990, onde exerce a função de Chefe do Departamento de Tocoginecologia. Professor Assistente do Curso de Especialização em Obstetrícia do Instituto de Pós-graduação Médica Carlos Chagas (1991-1998). Professor Titular Interino da Escola Médica de Pós-graduação da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1992-2010) e Professor Adjunto de Obstetrícia da Faculdade de Medicina da Universidade Gama Filho (2008-2013). Foi também Professor Voluntário de Obstetrícia da Faculdade de Medicina da UFRJ até 1993, quando, através de concurso, passou a fazer parte do quadro efetivo da Universidade, tendo sido promovido a Professor-Associado.

Realizou no COPPEAD (UFRJ) curso de Gestão em Saúde (2000) e é Livre-docente da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (2002).

Ingressou como autor na obra “Obstetrícia Fundamental” a partir de sua 11ª edição (2008), literatura adotada pela grande maioria das Escolas de Medicina e Enfermagem do Brasil.

Ascendeu, em 2011, a Professor Titular de Obstetrícia da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Chefe da Emergência Obstétrica do Hospital e Maternidade Santa Lúcia (2013).

Agraciado com o Prêmio Ivolino Vasconcelos (2013) e com a Medalha Fernando de Magalhães (2015).

Na ocasião de sua candidatura a Membro Titular da Academia Nacional de Medicina, apresentou memória intitulada “Doença Trofoblástica Gestacional”.

Currículo lattes

Memória: “Doença Trofoblástica Gestacional”

Discurso de Saudação

Discurso de Posse

Discurso do Presidente da ANM

Hildoberto Carneiro de Oliveira

Nasceu em 15 de outubro de 1940, em Boca do Acre (AM).

Filho de Augusto Ventura de Oliveira e Elvira Carneiro de Oliveira.

Graduou-se em Medicina pela Escola de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro – UNIRIO (1966). Possui Mestrado em Ginecologia pelo Instituto de Ginecologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ (1975); Doutorado em Ginecologia pelo Instituto de Ginecologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ (1992) e Livre Docência pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro – UNIRIO (1992).

Professor Adjunto aposentado de Ginecologia da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); Professor Associado do Curso de Pós-Graduação em Ginecologia da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ); Professor de Ginecologia e Obstetrícia da Faculdade de Medicina da Universidade de Nova Iguaçu (UNIG); Professor de Semiologia Médica da Escola de Medicina da Fundação Técnico-Educacional Souza Marques; Professor Titular aposentado de Ginecologia da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Diretor Técnico do Hospital Municipal Pedro II e do Hospital Municipal Ronaldo Gazolla. Vice-Presidente da Associação Médica do Estado do Rio de Janeiro (SOMER); Presidente do Núcleo de Segurança do Paciente do Hospital Municipal Ronaldo Gazolla e do Hospital Municipal Pedro II.

Em 1982 foi aprovado em 1º lugar no Concurso Federal para médicos, sendo lotado no Hospital da Posse, onde organizou o Serviço de Ginecologia e chefiou-o por 10 anos. Além deste fato, fundou e dirigiu a Casa de Saúde São Marcos por 20 anos.

Presidente da Associação Médica de Nova Iguaçu (AMNI).

Fundador da Confederação de Ginecologia e Obstetrícia do MERCOSUL (1997). Membro da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra (ADESG); Membro do Conselho Municipal de Saúde de Nova Iguaçu; Membro Titular da Academia de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (ACAMERJ); Membro Titular da Federação Internacional de Ginecologia e Obstetrícia (FIGO); Membro Titular da American Fertility Society (AFS); Membro Titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões, tendo sido diretor da Secção de Ginecologia em dois mandatos (2000-2001 e 2002-2003).

Recebeu a Medalha de Mérito Comendador Soares (2008) – insígnia mais significativa da Cidade de Nova Iguaçu. Recebeu também o título de Cidadão Honorário da Cidade de Nova Iguaçu (2011) e da Cidade do Rio de Janeiro (2013).

Integrou o Conselho Estadual de Saúde do Estado do Rio de Janeiro e da Comissão Intersetorial de Saúde da Mulher do Conselho Estadual de Saúde. Secretário de Saúde do Município de Nova Iguaçu.

É Editor do Tratado de Ginecologia da FEBRASGO, sendo até hoje o livro de Ginecologia mais vendido do Brasil.

Na ocasião de sua candidatura a Membro Titular da Academia Nacional de Medicina, apresentou memória intitulada “Câncer da Vulva”.

Faleceu em 8 de junho de 2020 no Rio de Janeiro. 

Maurício Gomes Pereira

Nasceu em 15 de janeiro de 1937, em Belo Horizonte (MG).

Filho de Paulo Gomes Pereira e Júlia Badejo Gomes Pereira.

Graduou-se em Medicina pela Universidade do Brasil, atual Universidade Federal do Rio de Janeiro em 1962. Possui especialização em Pediatria pela Associação Médica Brasileira e em Saúde Pública pela Universidade Livre de Bruxelas. Mestrado em Planejamento de Saúde pela mesma Universidade. Doutorado em Epidemiologia pela Universidade de Columbia, Nova York.

Professor da UnB desde 1968, lecionou para a primeira turma graduada em Medicina da instituição. Em 2012, recebeu o título de Professor Emérito da UnB. Sua atuação incluiu participação em ensino, pesquisa, extensão, administração e orientação de alunos de graduação e pós-graduação.

Foi assessor de diversas instituições, tanto nacionais – CNPq, CAPES, FINEP, Ministério da Saúde e Ministério da Educação – quanto internacionais – UNESCO, UNICEF, Organização Pan-Americana da Saúde e Organização Mundial da Saúde. Foi também assessor e Membro Emérito da Rede Brasileira de Informação para a Saúde (Ripsa).

Fez treinamento em Clínica Médica, Nutrição, Doenças Infecciosas e Saúde Pública nas Universidades de Madri e Bruxelas. Sua vida acadêmica se desenvolveu na Universidade de Brasília, com participação em ensino, pesquisa, extensão, administração e orientação de alunos de graduação e pós-graduação.

Foi um dos organizadores e redatores do livro “Indicadores Básicos para a Saúde no Brasil: Conceitos e Aplicações”. Também é autor do livro “Epidemiologia: Teoria e Prática. Levou dez anos para escrever a obra “Artigos Científicos: como redigir, publicar e avaliar”, voltado a todos os campos de pesquisa. Atualmente, ensina Método Científico no Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, na UnB.

Membro da primeira Diretoria da Sociedade Brasileira de Pediatria (1969) e Membro da Academia de Medicina de Brasília (2010). Foi homenageado em diversas ocasiões, como na ocasião dos 25 anos do Departamento de Nutrição da UnB (2000); recebeu o Prêmio Saúde Brasília de Impacto Científico (2010); homenageado pelo Ministério da Saúde pela relevante contribuição no exercício de suas atividades acadêmicas na UnB para a pesquisa na área da Medicina (2012).

Sua linha de pesquisa envolve comunicação científica, saúde baseada em evidências e informações para decisões sobre a saúde.

Na ocasião de sua candidatura a Membro Titular da Academia Nacional de Medicina, apresentou memória intitulada “Evidências Científicas em Medicina: A Contribuição da Epidemiologia”.

Memória: “Evidências Científicas em Medicina: A Contribuição da Epidemiologia”

Natalino Salgado Filho

Nasceu em 25 de julho de 1946, na cidade de Cururupu (MA). Filho de Natalino Salgado e Ivete Caldeira Salgado.

Após concluir a educação elementar em Cururupu, transferiu-se para São Luís para cursar o ginasial e o científico no Colégio de São Luiz. Em 1973, graduou-se em Medicina pela Universidade Federal do Maranhão. Fez residência em Clínica Médica na Universidade Federal do Rio de Janeiro, e em Nefrologia na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Hospital Pedro Ernesto).

Em 1975, ingressou no Instituto Nacional de Assistência Médica da Previdência Social, atualmente incorporado no Ministério da Saúde. Em 1978, fundou o Serviço de Nefrologia do Estado do Maranhão, foi responsável por trazer para São Luís o primeiro rim artificial e realizar o primeiro procedimento de hemodiálise do Estado do Maranhão. Em 1980, fundou a primeira Residência Médica no Estado do Maranhão.

Mestre em Medicina (Nefrologia) pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP-1987), e, na mesma instituição, concluiu seu doutorado (1994). Especializou-se em Clínica Médica, Nefrologia, Didática de Nível Superior, Imunologia e Capacitação Gerencial de Dirigentes Hospitalares durante a carreira.

Professor Titular do Departamento de Medicina do Centro de Ciências Biológicas da Saúde da UFMA, é também docente de diversos Programas de Pós-graduação na Universidade Federal do Maranhão, como os Programas de Ciências da Saúde e Saúde do Adulto e da Criança.

Fundador e primeiro Presidente da Sociedade Maranhense de Nefrologia e membro do Departamento de Nefrologia Clínica da Sociedade Brasileira de Nefrologia. Foi Vice-Presidente da Sociedade Brasileira de Nefrologia no biênio 2007-2008. Em 1989, presidiu o Conselho de Cogestão do Hospital do Instituto de Presidência do Estado do Maranhão – IPEM. Foi Presidente da Comissão de implantação do Hospital Universitário, em 1990/1991. Com a criação do Hospital Universitário/UFMA, integrou seu Conselho Administrativo (1990-1994) e chefiou o Serviço de Nefrologia (1991-2010). Foi Diretor Geral do Hospital Universitário no período de 1997 a 2007, e sagrou-se eleito Reitor da Universidade Federal do Maranhão, para 2 mandatos, de 2007 a 2015.

Membro da Academia Maranhense de Medicina e do Instituto Histórico-Geográfico Maranhense. É Membro das Sociedades: Brasileira de Hipertensão Arterial, Brasileira de Nefrologia (SBN), International Society of Nephrology (ISN), American Society of Nephrology (ASN), Brasileira de História da Medicina, Maranhense de Ciências, Letras, Instituto Histórico e Geográfico do Maranhão (IHGMA) e SOBRAMES.

Além disso, é Membro do Comitê de Ligas Estudantis de apoio à Nefrologia; Editor de Seção/Nefrologia e Epidemiologia Clínica do Brazilian Journal of Nephrology. É Chefe do Serviço de Nefrologia do HUUFMA e Coordenador do Projeto PREVRENAL. Dedica-se, em Nefrologia, aos temas da Hipertensão Arterial e Doença Renal Crônica.

Publicou mais de 400 trabalhos em revistas especializadas e em anais de congressos nacionais e internacionais. Publica semanalmente artigos em jornais. Possui diversas condecorações e títulos honoríficos.

Currículo Lattes

Memória: “Avaliação dos marcadoresde lesão renal e co-morbidades em afrodescendentes de comunidades remanescentes de quilombo”

Discursos da Cerimônia de Posse

Paulo Marcelo Gehm Hoff

Nasceu em 8 de setembro de 1968, em Paranavaí (PR).

Possui graduação em Medicina pela Universidade de Brasília (1991). Doutor em Ciências pela Universidade de São Paulo (2007).

Fez Residência em Medicina Interna no Jackson Memorial Hospital da Universidade de Miami. Especialização em Hematologia no Baylor College of Medicine e especialização em Oncologia no M. D. Anderson Cancer Center, da Universidade do Texas.

Teve longa e sólida formação nos EUA durante 7 anos e depois passou a atuar na assistência e pesquisa, sendo Professor Associado e Vice-Chefe do Departamento de Gastroenterologia do M. D. Anderson Cancer Center da University of Texas durante vários anos.

Retornando ao Brasil, obteve a Livre-Docência pela Faculdade de Medicina da USP e tornou-se Professor Titular de Oncologia da mesma Faculdade.

Diretor Geral do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (ICESP) e Diretor Geral do Centro de Oncologia do Hospital Sírio-Libanês.

Tem cerca de 300 publicações, com 5.400 citações e Fator H = 34.

Vice-presidente do Grupo Técnico de Tumores Gastrointestinais da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo e Membro da Congregação da Faculdade de Medicina da USP.

Membro do Conselho Diretor da American Society of Clinical Oncology e Presidente da Comissão Científica em Vigilância da Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Diretor do Grupo de Câncer Colorretal do National Surgical Adjuvant Bowel and Breast Project (NSABP) e do Southwest Oncology Group (SWOG) e coordenador do Núcleo de Estudos Clínicos em Câncer (NECC) do Hospital Israelita Albert Einstein.

Fellow do American College of Physicians; Membro da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC); Membro da Sociedade Brasileira de Cancerologia (SBC); Membro da American Society of Clinical Oncology (ASCO); Membro da European Society for Medical Oncology (ESMO).

Na ocasião de sua candidatura a Membro Titular da Academia Nacional de Medicina, apresentou memória intitulada “Evolução do tratamento clínico do câncer do cólon e reto”.

Currículo Lattes

Memória: “Evolução do Tratamento Clínico do Câncer de Cólon e Reto”

Discurso de Posse

Rossano Kepler Alvim Fiorelli

Nasceu em 12 de março de 1963, em Três Rios (RJ). 

Filho de Humberto Reis Fiorelli e Francisca Alvim Fiorelli. Descendente de família italiana (avós paternos da Província de Potenza e maternos de Bologna), sua família manteve uma vida humilde e digna ligada à agricultura e ao comércio.

Foi aprovado em 2º lugar para Medicina na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). Graduou-se em 1988, tendo como patrono e paraninfo respectivamente os Acadêmicos Azor José de Lima e Carlos Alberto Basílio de Oliveira. Mestrado em Cirurgia Torácica (1997) pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e Doutorado em Cirurgia Geral – Setor Cirurgia Torácica (2001), pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Livre-docência em Técnica Cirúrgica e Cirurgia Experimental na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO).

Realizou Residência Médica em Cirurgia Torácica no Serviço de Cirurgia Torácica e Cardiovascular do Hospital da Beneficência Portuguesa do Rio de Janeiro, acoplado ao Curso de Especialização em Cirurgia Torácica da PUC-RJ, sob a direção do Prof. Dr. Jesse Pandolpho Teixeira, considerado Mestre da Cirurgia Torácica Brasileira e um dos mais renomados cirurgiões torácicos do mundo.

Em 1990, realizou concurso da Secretaria Estadual de Saúde do Rio de Janeiro para o cargo de Cirurgião Torácico, sendo aprovado em 1º lugar e passando a integrar o Serviço de Emergência do Hospital Estadual Getúlio Vargas (HEGV), chefiado pelo Prof. Dr. Levão Bogossian.

Professor Titular do Departamento de Cirurgia Geral e Especializada da UNIRIO, por Concurso de Títulos e Provas (2002). Nesta mesma Universidade, foi Coordenador do Programa de Residência Médica em Cirurgia Geral, Coordenador do Curso de Pós-Graduação lato sensu em Cirurgia Geral, e, eleito por seus pares em 2013, Chefe do Departamento de Cirurgia Geral e Especializada. Vice-Diretor da Escola de Medicina e Cirurgia da UNIRIO desde 2013.

Professor Titular de Clínica Cirúrgica da Faculdade de Medicina da Universidade Severino Sombra (USS), desde 2013. Professor Coordenador da Disciplina de Clínica Cirúrgica Especializada da Faculdade de Medicina da Universidade Estácio de Sá, desde 2013.

Recebeu a Comenda Medalha Barão Ribeiro de Sá, da Câmara de Vereadores de Três Rios (2009); Comenda Medalha Tiradentes, da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (2010); Comenda Medalha Pedro Ernesto, da Câmara Municipal do Rio de Janeiro (2012); Título de Benemérito do Estado do Rio de Janeiro (2010).

Sua produção científica consta de 4 teses, 4 monografias, 50 trabalhos publicados em periódicos e anais de congressos nacionais e internacionais, 2 capítulos de livros e 1 livro publicado, além de 215 participações em Congressos, Jornadas e Simpósios.

É Membro Titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões e das Sociedades de Pneumologia do Estado do Rio de Janeiro, Brasileira e Sul-Americana de Cirurgia Torácica, Brasileira e Pan-Americana de Atendimento Integrado ao Trauma.

Na ocasião de sua posse como Membro Titular da Academia Nacional de Medicina, apresentou memória intitulada “Bócio Mergulhante: Resultados de 166 Casos Tratados Cirurgicamente”.

Currículo Lattes

Memória: “Bócio Mergulhante: Resultado de 166 casos tratados cirurgicamente”

Marcelo Marcos Morales

Nasceu em 15 de dezembro de 1968, em São Paulo (SP). Filho de José Odir Morales e Ivani Santini Morales. Graduou-se em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, em 1995.

Obteve Doutorado pelo Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho em 1998, defendendo tese intitulada “Estudo da Expressão e Modulação de Transportadores ao Longo do Néfron: Implicações Fisiológicas”. Cursou Pós-doutorado no The John Hopkins University School of Medicine em 2003.

Foi aprovado em concurso público para o cargo de Professor Adjunto, na área de Fisiologia Renal, do Instituto de Biofísico Carlos Chagas Filho da UFRJ em 1998.

Atualmente Secretário de Estado para Formação e Ações Estratégicas do Ministério da Ciência e Tecnologia e Inovações e Comunicações (MCTIC). Ex-Diretor de Ciências Agrárias, Biológicas e da Saúde do CNPq, Ex-Presidente da Federação Latino Americana de Sociedades de Biofísica (LAFeBS); Ex-Presidente da Sociedade Brasileira de Biofísica (SBBf) e seu Secretário Geral. Ex-Coordenador do Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal (CONCEA-MCTIC); Ex-Presidente da Comissão de Ética com Animais da UFRJ; Presidente da União Internacional de Biofísica (IUPAB) para o triênio 2017-2020.

Foi coordenador do Programa de Pós-Graduação Latino Americano de Biofísica (POSLATAM – ligado a IUPAB) e da Pós-Graduação – Fisiologia da UFRJ. Foi Secretário da Federação de Sociedades de Biologia Experimental (FESBE) e Secretário da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC).

Como Professor Associado da Universidade Federal do Rio de Janeiro, tem sua linha de pesquisa centrada na área de Biofísica, com ênfase em Biofísica Celular e Biologia Molecular, Terapias envolvendo células tronco, nanotecnologia e terapia gênica.

Seu currículo vitae revela alta atividade didática tanto na área de Graduação como de Pós-graduação. Orientou 28 teses de mestrado, 32 teses de doutorado e conduziu a supervisão de 14 pós-doutorados.

Sua produção cientifica é intensa, constituída até o momento de 166 artigos científicos publicados em revistas internacionais indexadas, além de livros e capítulos de livros.

Curriculo Lattes

Memória: “A mutação no resíduo de Tirosina do Capsídeo do vírus Adeno-Associado do tipo 9 (AAV9) torna a Transferência Gênica para as vias respiratórias eficaz e segura”

Discurso de Posse

Walter Araujo Zin

Nascido no Rio de Janeiro em 16 de junho de 1952.

Ocupa, desde o dia 05 de maio de 2015, a cadeira de nº 100 da Secção de Ciências Aplicadas à Medicina.

Graduou-se em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1975) e possui Mestrado (1979) e Doutorado (1984) em Ciências Biológicas (Biofísica), também pela UFRJ. Possui Pós-doutorado pela McGill University, Montreal, Canadá (1989).

Fundador e Chefe do Laboratório de Fisiologia da Respiração Professor Titular da Universidade Federal do Rio de Janeiro (1993), tendo sido Diretor do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho entre 2001 e 2004. É Professor Visitante de várias Universidades no país e no exterior. Tem aproximadamente 350 conferências proferidas no Brasil e no exterior; 34 Mestres e 34 Doutores orientados. Além deste fato, o Acadêmico possui mais de 250 trabalhos indexados (cerca de 5200 citações, índice h = 35).

Atua como revisor “ad hoc” de cerca de 20 periódicos científicos de circulação internacional e Editor Associado das revistas “Frontiers in Physiology” e “Anais da Academia Nacional de Medicina”. Trabalha como colaborador de órgãos governamentais de gestão de Ciência, tanto a nível estadual quanto nacional.

É ex-Membro Titular do Conselho Consultivo da FINEP, do Conselho Superior da FAPERJ, do Comitê Gestor do Fundo Setorial da Saúde, da Comissão Intersetorial de Ciência e Tecnologia do Conselho Nacional de Saúde e do Comitê de Assessoramento BF-CNPq, que coordenou.

É afiliado à Sociedade Brasileira de Fisiologia (SBFis), onde já ocupou a função de Presidente; à Sociedade Brasileira de Biofísica; à Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia; à European Respiratory Society, onde exerceu a função de delegado representante do Brasil (2005-2008); à American Physiological Society e à American Thoracic Society. Exerceu a Presidência da Federação de Sociedades de Biologia Experimental (FeSBE, 2011-2015).

É membro Titular da Academia Brasileira de Ciências e recebeu os títulos de Comendador da Ordem Nacional do Mérito Científico da Presidência da República, de Professor “Ad Honorem” da Faculdade de Medicina da Universidad de la Republica, no Uruguai, e Cidadão Benemérito do Município do Rio de Janeiro.

Possui experiência em Fisiologia e Fisiopatologia da Respiração, com atuação nos temas de mecânica respiratória, poluição atmosférica, ventilação artificial e modelos de doenças.

Currículo Lattes

Discursos da Cerimônia de Posse

Discurso proferido Conferência “Carlos Chagas Filho: uma Fértil Inquietude”, em 16/09/2020

Vídeo da Conferência “Carlos Chagas Filho: uma Fértil Inquietude” de 16/09/2020

Discurso de saudação ao Acad. Walter Zin proferido pelo Prof. Marcello na Cerimônia de Emerência na UFRJ em 09/08/2019

Discurso proferido pelo Acad. Walter Zin na Cerimônia de Emerência na UFRJ em 09/08/2019

José Luiz Gomes do Amaral

Nascido em São Paulo (SP) , em 24 de fevereiro de 1950. Possui as nacionalidades brasileira e portuguesa.

É médico registrado como especialista em Anestesiologia e Medicina Intensiva, no Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo, Brasil e, como especialista em Anestesiologia, na Secção Regional Norte da Ordem dos Médicos de Portugal.

Graduou-se em Medicina pela EPM-UNIFESP, em 1976 (diploma reconhecido pela Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, Portugal, em 2005). Titulou-se especialista em Anestesiologia, em 1979 e, em Medicina Intensiva, em 2000. É portador do Título Superior em Anestesiologia – TSA/SBA, desde 1983.

Desenvolve carreira docente na EPM-UNIFESP, iniciada em 1980, como Professor Colaborador, passando a Auxiliar de Ensino, Assistente e Adjunto até assumir a Titularidade, em 1991, como Professor Titular da Disciplina de Anestesiologia, Dor e Terapia Intensiva do Departamento de Cirurgia da Escola Paulista de Medicina – Universidade Federal de São Paulo (EPM-UNIFESP).

Foi Assistente Estrangeiro na Faculdade de Medicina da Universidade “Louis Pasteur” de Strasbourg, França, em 1983-4. Realizou Mestrado, em 1981 e Doutorado, em 1987, em Cirurgia Vascular, Cardíaca, Torácica e Anestesiologia pela EPM – UNIFESP. Titulou-se Livre-Docente na Faculdade de Medicina da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, em 1990.

É Membro Titular da Academia Nacional de Medicina desde 2015 (eleição 23/10/2014; posse 07/04/2015), da Academia de Medicina de São Paulo desde 2002, da Academia Cristã de Letras de São Paulo, desde 2007 e do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo, desde 2011. É Membro Titular Honorário Nacional do Colégio Brasileiro de Cirurgiões desde 2013.

Foi Presidente da Associação Paulista de Medicina, gestões 1999 – 2002 e 2002 – 2005; Presidente da Associação Médica Brasileira, gestões 2005- 2008 e 2008 – 2011. É Membro fundador (2006) da Comunidade Médica de Língua Portuguesa (CMLP), entidade que presidiu em 2010-2011. Foi Presidente da Associação Médica Mundial/World Medical Association, gestão 2011 – 2012.

Foi Pró-Reitor de Planejamento da UNIFESP, em 2011-2012.

É responsável pelos Centros de Ensino e Treinamento da Sociedade Brasileira de Anestesiologia e da Associação de Medicina Intensiva Brasileira no Hospital São Paulo, Hospital Universitário da EPM-UNIFESP.

É Superintendente de Educação da Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM), desde 2014.

Tem experiência clínica na área da Medicina, nas especialidades Anestesiologia e Medicina Intensiva, sendo membro das Sociedades Brasileira (SBA) e Portuguesa de Anestesiologia (SPA), bem como da Associação Brasileira de Medicina Intensiva (AMIB). A SBA instituiu o “Prêmio Dr. José Luiz Gomes do Amaral”, prêmio conferido ao médico em especialização (ME) em Centro de Ensino e Treinamento (CET) credenciado pela Sociedade Brasileira de Anestesiologia (SBA), que durante o terceiro ano de sua especialização obteve a maior nota na prova nacional para ME elaborada pela SBA.

Currículo Lattes

Memória: “Controle da Hipertermia Maligna no Brasil”

Discursos da Cerimônia de Posse

Fabio Biscegli Jatene

Nasceu em 20 de março de 1955, em São Paulo.

Possui graduação em Medicina pela Faculdade de Medicina da Fundação Universitária do ABC (1978), Doutorado e Livre-docência pela Faculdade de Medicina da USP (1991).

Professor Titular da Disciplina de Cirurgia Cardiovascular da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP); membro do Conselho Deliberativo HCFMUSP; Vice-Chefe do Departamento de Cardiopneumologia da FMUSP. Vice-Presidente do Conselho Diretor e Diretor Geral do InCor HCFMUSP.

Tem atuação assistencial e de pesquisa em Cirurgia Torácica e Cardiovascular.

Idealizou e Fundou (1996) a Liga de Cirurgia Cardiotorácica (LCCT), que é um órgão pertencente ao Departamento Científico do Centro Acadêmico Oswaldo Cruz, da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP). A Liga tem como finalidades apresentar a cirurgia cardiovascular e torácica aos acadêmicos de várias faculdades de Medicina do Estado de São Paulo, além de promover diversas atividades científicas.

Participa como revisor ou membro dos seguintes órgãos: Conselho Editorial do Heart Surgery Forum; Arquivos Brasileiros de Cardiologia; Revista Brasileira de Pneumologia e Revista Brasileira de Cirurgia Cardiovascular. Coordenador da Câmara Técnica do Projeto Diretrizes da Associação Médica Brasileira. Consultor Parecerista da FAPESP e CNPq.

Currículo Lattes