Academia Nacional de Medicina

Av. General Justo, 365, 7° e 8° andares, Rio de Janeiro - RJ. Tel.: (21) 3970-8150
Busca


Anais da Academia

Veja a última edição do
Anais da academia

Telemedicina é debatida na Academia Nacional de Medicina - Sessão de 13 de agosto de 2015

 

A Academia Nacional de Medicina (ANM) promoveu, no dia 13 de agosto, às 18h, a conferência: " A Telemedicina e as Perspectivas de uma Realidade Próxima em Educação, Assistência e Pesquisa", pelo Professor Chao Lung Wen - Faculdade de Medicina, USP, que foi apresentado pelo Acadêmico Walter A. Zin.

O médico é responsável por diversos projetos importantes e arrojados, como por exemplo o do "Homem Virtual".

O futuro da medicina no Brasil passa pela tecnologia, que é uma das saídas para o país melhorar a qualidade do seu atendimento, ensino e pesquisa ao mesmo tempo em que barateia os custos e aumenta a eficiência. A Telemedicina pode ser usada das mais diversas formas. A USP, por exemplo, começou a produzir estruturas anatômicas com detalhes realísticos, por meio do uso de impressoras 3D. A prática é uma alternativa a pouca disponibilidade de corpos doados para a educação e formação profissional e a sua rápida degradação, fatos que comprometem o ensino e a aprendizagem médica. O projeto integra o Laboratório de Mídias Interativas em Saúde e estruturação de uma plataforma para a Informatização da Graduação da Faculdade de Medicina, como parte do Pró-Inovalab USP, coordenado pelo professor Chao Wen.

Outra aplicação da Telemedicina pode ser encontrada no dia a dia dos pacientes, quando propicia a oferta de cuidados com a saúde, nos casos em que a distância é um fator crítico, ampliando a assistência e a cobertura. Já na área da pesquisa, a ideia é que se forme uma rede de informações médicas com assuntos de interesse específico do usuário e participação em grupos de discussão com profissionais de saúde dos mais diferentes locais e instituições.

Prof. Chao Lung Wen e Acad. Walter A. Zin