Área do acadêmico Transmissão ao vivo
EN PT ES

Pedro Monteiro Sampaio

Nasceu em 12 de fevereiro de 1924, em Parnaíba (PI).

Filho de Firmino José Sampaio e Almerinda Monteiro Sampaio

Graduou-se na Faculdade Nacional de Medicina, pela antiga Universidade do Brasil (hoje UFRJ), onde concluiu Doutorado e lecionou Neurologia.

Professor Titular de Neurocirurgia da UFRJ, Faculdade de Medicina Souza Marques e da Faculdade de Medicina da Escola Carlos Chagas. Professor Emérito de Neurocirurgia da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Diretor do Hospital de Ipanema, Presidente do Departamento de Especialidades Cirúrgicas da UFRJ e Chefe do Serviço de Neurocirurgia do Hospital Pedro Ernesto, da UERJ, onde formou inúmeros discípulos.

Membro emérito do Colégio Brasileiro de Cirurgiões e Titular das seguintes sociedades: Academia Brasileira de Neurocirurgia, Academia Brasileira de Neurologia, Academia Brasileira de Reabilitação e Sociedade Brasileira de Neurocirurgia. Além disso, foi Membro Correspondente da Schiweiriches Neurochirurgische Gesellchaft, Societé de Neurocirurgie de Lion, Vermont Neurosurgical Society e Professor Correspondente da Universidade de Stanford.

Ganhou diversas condecorações, como as medalhas de honra da World Federation of Neurosurgical Societies, da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, do Núcleo Central do Colégio Brasileiro de Cirurgiões. Também ganhou a medalha de ouro da Federação Latinoamericana de Neurocirurgia, a medalha do Mérito Naval e o título de Cidadão Honorário do Rio de Janeiro.

Foi homenageado no XIII Congresso Mundial de Neurocirurgia, realizado no Marrocos em junho de 2005, como “Personalidade Neurocirúrgica de Destaque da World Federation of Neurocirurgical Societies”.

Trabalhou ininterruptamente no seu consultório particular até poucos dias antes do seu falecimento. Foi um Acadêmico muito comunicativo e de forte presença.

Na ocasião de sua candidatura a Membro Titular da Academia Nacional de Medicina, apresentou memória intitulada “Cirurgia da Hipófise via Oro-Septal Transesfenoidal”.

No dia 02 de junho de 2016 compareceu à Sessão da Academia Nacional de Medicina, na qual conversou ativamente com seus pares, como de costume. Alguns dias depois sentiu-se mal e foi internado com complicações de insuficiência renal.

Faleceu em 08 de julho de 2016.

Informações do Acadêmico

Número acadêmico: 513

Cadeira: 32 - Antonio Felix Martins (Barão de São Felix)

Membro: Emérito

Secção: Cirurgia

Eleição: 22/05/1980

Posse: 24/06/1980

Sob a presidência: José Leme Lopes

Saudado: Clementino Fraga Filho

Emerência: 24/11/2005

Antecessor: José Ribeiro Portugal

Falecimento: 08/07/2016

Informações do Acadêmico

Número acadêmico: 513

Cadeira: 32 - Antonio Felix Martins (Barão de São Felix)

Membro: Emérito

Secção: Cirurgia

Eleição: 22/05/1980

Posse: 24/06/1980

Sob a presidência: José Leme Lopes

Saudado: Clementino Fraga Filho

Emerência: 24/11/2005

Antecessor: José Ribeiro Portugal

Falecimento: 08/07/2016

Nasceu em 12 de fevereiro de 1924, em Parnaíba (PI).

Filho de Firmino José Sampaio e Almerinda Monteiro Sampaio

Graduou-se na Faculdade Nacional de Medicina, pela antiga Universidade do Brasil (hoje UFRJ), onde concluiu Doutorado e lecionou Neurologia.

Professor Titular de Neurocirurgia da UFRJ, Faculdade de Medicina Souza Marques e da Faculdade de Medicina da Escola Carlos Chagas. Professor Emérito de Neurocirurgia da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Diretor do Hospital de Ipanema, Presidente do Departamento de Especialidades Cirúrgicas da UFRJ e Chefe do Serviço de Neurocirurgia do Hospital Pedro Ernesto, da UERJ, onde formou inúmeros discípulos.

Membro emérito do Colégio Brasileiro de Cirurgiões e Titular das seguintes sociedades: Academia Brasileira de Neurocirurgia, Academia Brasileira de Neurologia, Academia Brasileira de Reabilitação e Sociedade Brasileira de Neurocirurgia. Além disso, foi Membro Correspondente da Schiweiriches Neurochirurgische Gesellchaft, Societé de Neurocirurgie de Lion, Vermont Neurosurgical Society e Professor Correspondente da Universidade de Stanford.

Ganhou diversas condecorações, como as medalhas de honra da World Federation of Neurosurgical Societies, da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, do Núcleo Central do Colégio Brasileiro de Cirurgiões. Também ganhou a medalha de ouro da Federação Latinoamericana de Neurocirurgia, a medalha do Mérito Naval e o título de Cidadão Honorário do Rio de Janeiro.

Foi homenageado no XIII Congresso Mundial de Neurocirurgia, realizado no Marrocos em junho de 2005, como “Personalidade Neurocirúrgica de Destaque da World Federation of Neurocirurgical Societies”.

Trabalhou ininterruptamente no seu consultório particular até poucos dias antes do seu falecimento. Foi um Acadêmico muito comunicativo e de forte presença.

Na ocasião de sua candidatura a Membro Titular da Academia Nacional de Medicina, apresentou memória intitulada “Cirurgia da Hipófise via Oro-Septal Transesfenoidal”.

No dia 02 de junho de 2016 compareceu à Sessão da Academia Nacional de Medicina, na qual conversou ativamente com seus pares, como de costume. Alguns dias depois sentiu-se mal e foi internado com complicações de insuficiência renal.

Faleceu em 08 de julho de 2016.