Área do acadêmico Transmissão ao vivo
EN PT ES

Antônio Rodrigues Braga Neto

Antonio Braga graduou-se em Medicina (2004), especializou-se em Ginecologia e Obstetrícia (2005-2006) com título de especialista conferido pela FEBRASGO / AMB, sendo plasmado Obstetra pelo Professor Jorge de Rezende e Professor Paulo Belfort.

Galgou todos os pré-requisitos da vida universitária na Universidade Estadual Paulista, sob a orientação da Professora Izildinha Maestá e Professora Marilza Rudge, onde, em menos de uma década, conquistou seu Mestrado em Obstetrícia (2007), Doutorado em Obstetrícia (2009), dois Pós-Doutorados (o primeiro pelo Departamento de Ginecologia e Obstetrícia entre 2010-2012, e o segundo pelo Programa de Pós-Graduação em Ginecologia, Obstetrícia e Mastologia entre 2012-2015) e sua Livre Docência em Obstetrícia (2016).

Foi convidado a expandir seus estudos no exterior, realizando outros dois Pós-Doutorados (o primeiro na Harvard Medical School / Brigham and Women’s Hospital / New England Trophoblastic Disease Center, em 2010, sob Supervisão do Professor Ross Berkowitz e Professor Donald Goldstein, e o segundo no Imperial College School of Medicine / Charing Cross Hospital / Charing Cross Trophoblastic Disease Center, em 2012, sob Supervisão do Professor Michael Seckl, então Presidente da International Society for the Study of Trophoblastic Disease).

Professa o Magistério Superior na Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e na Faculdade de Medicina da Universidade Federal Fluminense (UFF), onde é Professor de Obstetrícia, e Coordenador da Linha de Cuidado da Mulher com Doença Trofoblástica Gestacional, tanto na Maternidade Escola da UFRJ, quanto no Hospital Universitário Antonio Pedro da UFF. Nessas instituições, tem-se dedicado ao ensino médico na graduação, na formação de novos especialistas em Ginecologia e Obstetrícia, envolvido na formação de médicos residentes, além de ser Professor credenciado em Programas de Pós-graduação Stricto Senso (Mestrado e Doutorado) na UFRJ e na UFF, demais de supervisionar projetos de Pós-Doutorado.

Dr. Antonio Braga é reconhecido nacional e internacionalmente pelo tratamento de mulheres com Doença Trofoblástica Gestacional (mola hidatiforme e neoplasia trofoblástica gestacional, em seus aspectos etiopatogênicos, clínico e terapêutico, incluindo Medicina Translacional), sendo Líder do Núcleo de Estudos em Doença Trofoblástica do Diretório dos Grupos de Pesquisa do CNPq, e responsável pelo Brazilian Network for Gestational Trophoblastic Disease Study Group. Tem intensa atividade associativistas, sendo Presidente da Comissão Nacional Especializada em Doença Trofoblástica Gestacional da FEBRASGO (quadriênio 2016- 2019), Diretor da Associação de Ginecologia e Obstetrícia do Rio de Janeiro (Presidente da Comissão Especializada em Doença Trofoblástica triênio 2013-2016, reeleito para o triênio 2016-2019), Membro Fundador e Diretor da Sociedade Brasileira de Doença Trofoblástica Gestacional (biênio 2014-2016, reeleito para o biênio 2016-2018), além de membro titular da International Society for the Study of Trophoblastic Disease. Sua expertise o credenciou para compor a Câmara Técnica de Ginecologia e Obstetrícia do
Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro.

Com um apurado humanismo, cultiva ainda o estudo da História da Medicina, tendo sido eleito Presidente da Sociedade Brasileira de História da Medicina (triênio 2014-2016), além de ter fundado e sido eleito Secretário Executivo do Capítulo do Estado do Rio de Janeiro da Sociedade Brasileira de História da Medicina (biênio 2007-2009, reeleito 2010-2012), demais de atuar como docente na Disciplina de Aproximação à Prática Médica da Universidade Severino Sombra, onde ensina temas ligados à ética médica e relação médico paciente.

É Acadêmico Titular da Cadeira 19 (Patronímica do Professor Fernando Magalhães, o Príncipe da Obstetrícia no Brasil), na Academia Brasileira de Médicos Escritores, onde prima pela cultura médica e pela tradição hipocrática.