Área do acadêmico Transmissão ao vivo
EN PT ES

Arno von Buettner Ristow

Nasceu em 13 de abril de 1949, em Brusque, Santa Catarina.

Filho de Arno Ristow e Ally e de Odette von Buettner Ristow. Mudou-se para o Rio de Janeiro para estudar Medicina na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), tendo sido aprovado em 8º lugar em 1966. Realizou Internato em Cirurgia Geral no Hospital de Ipanema, em 1972.

Em 1973, ingressou no Serviço de Cirurgia Vascular do Hospital Central do IASERJ, onde permaneceu por dois anos. Foi bolsista do Deutscher Akademischer Austauschdiesnst no Serviço de Cirurgia Vascular e Torácica da Universidade de Ulm, na Alemanha, e tem especialização em Cirurgia Vascular na mesma universidade.

Arno von Ristow é angiologista, cirurgião vascular, endovascular e especialista em angiorradiologia e em radiologia intervencionista pela AMB-CBR.

Em 1976, começou a trabalhar no Hospital Miguel Couto, no Serviço de Cirurgia Vascular, dirigido por Rodolpho Perissé. Três anos depois, passou a Chefe de Serviço, cargo exercido por quatro anos.

Em 1977, foi aprovado em concurso para médico do INAMPS em Cirurgia Vascular; devido à incompatibilidade de horários, pediu demissão do IASERJ, indo trabalhar na Casa de Portugal.

Em 1983, publicou seu primeiro livro, “Urgências Vasculares”, com a experiência acumulada no Hospital Miguel Couto. No mesmo ano, foi nomeado para a chefia de Angiologia e Cirurgia Vascular do Hospital da Beneficência Portuguesa.

Após convênio em 1984, tornou-se Professor Associado no Curso de Pós-Graduação em Cirurgia Vascular da Escola Médica de Pós-Graduação da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Hoje o curso possui atuação na Clínica Sorocaba.

Diretor científico da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV) e possui filiação em 11 sociedades médicas internacionais e 9 nacionais. Além de sua vasta produção bibliográfica, é membro do Conselho Editorial de diversas revistas especializadas.

Na ocasião de sua posse como Membro Titular da Academia Nacional de Medicina, apresentou memória intitulada “A Evolução e o Estado da Arte no Tratamento do Aneurisma da Aorta Abdominal – Experiência com 1.444 Casos”.

Discurso de Saudação

Discurso de Posse

Informações do Acadêmico

Número acadêmico: 653

Cadeira: 80 - Júlio Oscar de Novaes Carvalho

Membro: Titular

Secção: Cirurgia

Eleição: 18/10/2012

Posse: 12/03/2013

Sob a presidência: Marcos Fernando de Oliveira Moraes

Saudado: Antonio Luiz de Medina

Antecessor: Levão Bogossian

Informações do Acadêmico

Número acadêmico: 653

Cadeira: 80 - Júlio Oscar de Novaes Carvalho

Membro: Titular

Secção: Cirurgia

Eleição: 18/10/2012

Posse: 12/03/2013

Sob a presidência: Marcos Fernando de Oliveira Moraes

Saudado: Antonio Luiz de Medina

Antecessor: Levão Bogossian

Nasceu em 13 de abril de 1949, em Brusque, Santa Catarina.

Filho de Arno Ristow e Ally e de Odette von Buettner Ristow. Mudou-se para o Rio de Janeiro para estudar Medicina na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), tendo sido aprovado em 8º lugar em 1966. Realizou Internato em Cirurgia Geral no Hospital de Ipanema, em 1972.

Em 1973, ingressou no Serviço de Cirurgia Vascular do Hospital Central do IASERJ, onde permaneceu por dois anos. Foi bolsista do Deutscher Akademischer Austauschdiesnst no Serviço de Cirurgia Vascular e Torácica da Universidade de Ulm, na Alemanha, e tem especialização em Cirurgia Vascular na mesma universidade.

Arno von Ristow é angiologista, cirurgião vascular, endovascular e especialista em angiorradiologia e em radiologia intervencionista pela AMB-CBR.

Em 1976, começou a trabalhar no Hospital Miguel Couto, no Serviço de Cirurgia Vascular, dirigido por Rodolpho Perissé. Três anos depois, passou a Chefe de Serviço, cargo exercido por quatro anos.

Em 1977, foi aprovado em concurso para médico do INAMPS em Cirurgia Vascular; devido à incompatibilidade de horários, pediu demissão do IASERJ, indo trabalhar na Casa de Portugal.

Em 1983, publicou seu primeiro livro, “Urgências Vasculares”, com a experiência acumulada no Hospital Miguel Couto. No mesmo ano, foi nomeado para a chefia de Angiologia e Cirurgia Vascular do Hospital da Beneficência Portuguesa.

Após convênio em 1984, tornou-se Professor Associado no Curso de Pós-Graduação em Cirurgia Vascular da Escola Médica de Pós-Graduação da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Hoje o curso possui atuação na Clínica Sorocaba.

Diretor científico da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV) e possui filiação em 11 sociedades médicas internacionais e 9 nacionais. Além de sua vasta produção bibliográfica, é membro do Conselho Editorial de diversas revistas especializadas.

Na ocasião de sua posse como Membro Titular da Academia Nacional de Medicina, apresentou memória intitulada “A Evolução e o Estado da Arte no Tratamento do Aneurisma da Aorta Abdominal – Experiência com 1.444 Casos”.

Discurso de Saudação

Discurso de Posse