Área do acadêmico Transmissão ao vivo
EN PT ES

Antônio Augusto Ferreira da Silva

Durante o período em que esteve na faculdade, atuou como interno extranumerário da Santa Casa de Misericórdia em 1880 e tornou-se médico efetivo em 1882. Também foi interno de Clínica Cirúrgica da Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro em 1882. No mesmo ano, em meio a moléstia que assolava a população do Rio de Janeiro, a varíola, foi nomeado ajudante do Comissário Vacinador.

Em uma reunião com seus colegas de internato da Santa Casa de Misericórdia, expos as vantagens de se ter uma revista médica. Então, com o apoio dos demais fundou a “Gazeta dos Hospitaes” em que foi lhe dado o lugar de redator principal.

Ainda em sua graduação, foi 2º Secretário e membro da Comissão de Obstetrícia do Instituto Médico Cirúrgico, ajudante preparador de Anatomia Topográfica, Operações e Aparelhos da Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro em 1884. Foi interno-acadêmico do Hospital São João Batista, em Niterói, Estado do Rio de Janeiro, como Obstetra.

Doutorou-se pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro em 1884, defendendo a tese intitulada “Sífilis Congênita”.

Atuou como médico adjunto da Ordem de São Francisco de Paula e no mesmo ano foi nomeado médico efetivo do Hospital São João Baptista de Niterói.

Com a epidemia varíola se intensificando no município de Niterói em 1887, aproveitando-se das vantagens da vacinação animal, introduziu este novo método na cidade.

Nomeado pelo Presidente do Estado para o Conselho Superior da Saúde Pública em 1890 e serviu como Capitão Cirurgião do 34º batalhão. Durante um ano foi membro efetivo da Guarda Militar de Saúde em Niterói.

Em 1894, foi nomeado parteiro e ginecologista da Policlínica e no mesmo ano tornou-se diretor do Hospital de Isolamento.

Membro de sociedades e associações nacionais, tais como membro da Sociedade de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro, e, foi fundador e vice-presidente da Sociedade de Medicina e Cirurgia de Niterói.

Eleito Membro Titular da Academia Nacional de Medicina em 1901. Transferiu-se para a classe dos Membros Emérito em 1928.

Foi homenageado com nome de logradouro público, Rua Dr. Antônio Augusto Ferreira da Silva, no centro da cidade de Niterói, RJ.

Faleceu em 26 de maio de 1933, na cidade de Niterói, no Rio de Janeiro.

Informações do Acadêmico

Número acadêmico: 208

Cadeira: 01 - Joaquim Candido Soares de Meirelles

Membro: Emérito

Secção: Medicina

Eleição: 23/05/1901

Posse: 30/05/1901

Sob a presidência: Nuno Ferreira de Andrade

Saudado: Theóphilo de Almeida Torres

Emerência: 29/11/1928

Antecessor: João Carlos Teixeira Brandão

Falecimento: 26/05/1933

Informações do Acadêmico

Número acadêmico: 208

Cadeira: 01 - Joaquim Candido Soares de Meirelles

Membro: Emérito

Secção: Medicina

Eleição: 23/05/1901

Posse: 30/05/1901

Sob a presidência: Nuno Ferreira de Andrade

Saudado: Theóphilo de Almeida Torres

Emerência: 29/11/1928

Antecessor: João Carlos Teixeira Brandão

Falecimento: 26/05/1933

Durante o período em que esteve na faculdade, atuou como interno extranumerário da Santa Casa de Misericórdia em 1880 e tornou-se médico efetivo em 1882. Também foi interno de Clínica Cirúrgica da Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro em 1882. No mesmo ano, em meio a moléstia que assolava a população do Rio de Janeiro, a varíola, foi nomeado ajudante do Comissário Vacinador.

Em uma reunião com seus colegas de internato da Santa Casa de Misericórdia, expos as vantagens de se ter uma revista médica. Então, com o apoio dos demais fundou a “Gazeta dos Hospitaes” em que foi lhe dado o lugar de redator principal.

Ainda em sua graduação, foi 2º Secretário e membro da Comissão de Obstetrícia do Instituto Médico Cirúrgico, ajudante preparador de Anatomia Topográfica, Operações e Aparelhos da Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro em 1884. Foi interno-acadêmico do Hospital São João Batista, em Niterói, Estado do Rio de Janeiro, como Obstetra.

Doutorou-se pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro em 1884, defendendo a tese intitulada “Sífilis Congênita”.

Atuou como médico adjunto da Ordem de São Francisco de Paula e no mesmo ano foi nomeado médico efetivo do Hospital São João Baptista de Niterói.

Com a epidemia varíola se intensificando no município de Niterói em 1887, aproveitando-se das vantagens da vacinação animal, introduziu este novo método na cidade.

Nomeado pelo Presidente do Estado para o Conselho Superior da Saúde Pública em 1890 e serviu como Capitão Cirurgião do 34º batalhão. Durante um ano foi membro efetivo da Guarda Militar de Saúde em Niterói.

Em 1894, foi nomeado parteiro e ginecologista da Policlínica e no mesmo ano tornou-se diretor do Hospital de Isolamento.

Membro de sociedades e associações nacionais, tais como membro da Sociedade de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro, e, foi fundador e vice-presidente da Sociedade de Medicina e Cirurgia de Niterói.

Eleito Membro Titular da Academia Nacional de Medicina em 1901. Transferiu-se para a classe dos Membros Emérito em 1928.

Foi homenageado com nome de logradouro público, Rua Dr. Antônio Augusto Ferreira da Silva, no centro da cidade de Niterói, RJ.

Faleceu em 26 de maio de 1933, na cidade de Niterói, no Rio de Janeiro.