Área do acadêmico Transmissão ao vivo
EN PT ES

Carlos Osborne da Costa

O Acadêmico Carlos Osborne da Costa, nasceu no dia 24 de janeiro de 1899, em Curitiba, Paraná, filho de Manuel Ciríaco da Costa e de D. Colombina Carnaciali da Costa.

Formou-se pela faculdade do Rio de Janeiro, no ano de 1921.

A eleição para a Academia Nacional de Medicina ocorreu em sessão de 22/11/1945, tendo lugar a cerimônia de posse em sessão presidida pelo Presidente Acadêmico Antônio Austregésilo, em 23 de maio de 1946.

Pronunciou a oração de paraninfo o Acadêmico Arnaldo de Moraes e a comissão convidada pelo Presidente para acompanhar o novo Titular ao recinto era composta pelos Acadêmicos Abel de Oliveira, Souza Araujo e Aleixo de Vasconcelos.

Faleceu em 6 de janeiro de 1979.

Informações do Acadêmico

Número acadêmico: 396

Cadeira: 84 - Manoel de Abreu

Membro: Titular

Secção: Ciencias aplicadas à Medicina

Eleição: 22/11/1945

Posse: 23/05/1946

Sob a presidência: Antonio Austregésilo Rodrigues Lima

Saudado: Arnaldo de Moraes

Antecessor: Benjamin Vinelli Baptista

Falecimento: 06/01/1979

Informações do Acadêmico

Número acadêmico: 396

Cadeira: 84 - Manoel de Abreu

Membro: Titular

Secção: Ciencias aplicadas à Medicina

Eleição: 22/11/1945

Posse: 23/05/1946

Sob a presidência: Antonio Austregésilo Rodrigues Lima

Saudado: Arnaldo de Moraes

Antecessor: Benjamin Vinelli Baptista

Falecimento: 06/01/1979

O Acadêmico Carlos Osborne da Costa, nasceu no dia 24 de janeiro de 1899, em Curitiba, Paraná, filho de Manuel Ciríaco da Costa e de D. Colombina Carnaciali da Costa.

Formou-se pela faculdade do Rio de Janeiro, no ano de 1921.

A eleição para a Academia Nacional de Medicina ocorreu em sessão de 22/11/1945, tendo lugar a cerimônia de posse em sessão presidida pelo Presidente Acadêmico Antônio Austregésilo, em 23 de maio de 1946.

Pronunciou a oração de paraninfo o Acadêmico Arnaldo de Moraes e a comissão convidada pelo Presidente para acompanhar o novo Titular ao recinto era composta pelos Acadêmicos Abel de Oliveira, Souza Araujo e Aleixo de Vasconcelos.

Faleceu em 6 de janeiro de 1979.