Área do acadêmico Transmissão ao vivo
EN PT ES

Jerson Lima da Silva

Nasceu em 29 de fevereiro de 1960, no Rio de Janeiro (RJ).

Graduou-se em Medicina pela Faculdade de Medicina da UFRJ (1984) e Doutorado pelo Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho, UFRJ (1987).

Professor Titular no Instituto de Bioquímica Médica da UFRJ; Diretor do Centro Nacional de Ressonância Magnética Nuclear Jiri Jonas e Coordenador do Instituto nacional de Ciência e Tecnologia de Biologia Estrutural em Bioimagem (INBEB). Atua também como Diretor Científico da Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ) desde 2003.

É chefe do Laboratório de Termodinâmica de Proteínas e Vírus da UFRJ, e, de 1994 a 1997, foi chefe do Departamento de Bioquímica Médica. É Coordenador do Centro Nacional de Ressonância Magnética Nuclear de Macromoléculas da UFRJ, onde estão instalados equipamentos de RMN de alto campo (600 e 400 MHz). Este centro, o primeiro a ser instalado no Brasil, tem como meta dar um salto qualitativo na pesquisa na área de Biologia Estrutural de Macromoléculas.

Pesquisador nível 1A do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) desde 1987, já conquistou inúmeros prêmios e auxílios, como os da Fundação John Simon Guggenheim (1991); da International European Economic Community (1991); Prêmio Sendas em Doenças Infecciosas de Crianças (compartilhado, em 1995); Howard Hughes Medical Institute (1997-2002); Prêmio Nacional Unibanco em Medicina (compartilhado, em 1998); Auxílio Núcleos de Excelência do Ministério da Ciência e Tecnologia (1998); Cientista do Estado do Rio de Janeiro (em 2000, 2003, 2005, 2007, 2009); Ordem Nacional do Mérito Científico concedido pela Presidência da República do Brasil na classe de Comendador (2002) e na classe de Grã-Cruz (2009); Prêmio da Academia de Ciências para o Mundo em Deselvolvimento (TWAS) de Biologia (2006); Prêmio FCW 2009 em Ciência e Cultura da Fundação Conrado Wessel (2010).

É Membro Titular da Academia Brasileira de Ciências, da Academia de Ciências para o Mundo em Desenvolvimento (TWAS); e da COPEA (Coordenação de Programas de Estudos Avançados), da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Autor de mais de 140 artigos completos. Sua pesquisa tem sido publicada em revistas de alto índice de impacto. Presta assessoria para agências de fomento nacionais e internacionais, e para periódicos nacionais e internacionais. Seu laboratório tem prestado contribuição expressiva ao campo da biologia estrutural, enovelamento proteico, montagem viral e no entendimento dos mecanismos responsáveis pelo dobramento errado de proteínas, importante em muitas doenças humanas, que incluem Câncer, doenças de príons e doença de Parkinson.

Currículo Lattes

Informações do Acadêmico

Número acadêmico: 646

Cadeira: 84 - Manoel de Abreu

Membro: Titular

Secção: Ciencias aplicadas à Medicina

Eleição: 05/05/2011

Posse: 05/07/2011

Sob a presidência: Pietro Novellino

Saudado: Wanderley de Souza

Antecessor: Pedro Clovis Junqueira

Informações do Acadêmico

Número acadêmico: 646

Cadeira: 84 - Manoel de Abreu

Membro: Titular

Secção: Ciencias aplicadas à Medicina

Eleição: 05/05/2011

Posse: 05/07/2011

Sob a presidência: Pietro Novellino

Saudado: Wanderley de Souza

Antecessor: Pedro Clovis Junqueira

Nasceu em 29 de fevereiro de 1960, no Rio de Janeiro (RJ).

Graduou-se em Medicina pela Faculdade de Medicina da UFRJ (1984) e Doutorado pelo Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho, UFRJ (1987).

Professor Titular no Instituto de Bioquímica Médica da UFRJ; Diretor do Centro Nacional de Ressonância Magnética Nuclear Jiri Jonas e Coordenador do Instituto nacional de Ciência e Tecnologia de Biologia Estrutural em Bioimagem (INBEB). Atua também como Diretor Científico da Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ) desde 2003.

É chefe do Laboratório de Termodinâmica de Proteínas e Vírus da UFRJ, e, de 1994 a 1997, foi chefe do Departamento de Bioquímica Médica. É Coordenador do Centro Nacional de Ressonância Magnética Nuclear de Macromoléculas da UFRJ, onde estão instalados equipamentos de RMN de alto campo (600 e 400 MHz). Este centro, o primeiro a ser instalado no Brasil, tem como meta dar um salto qualitativo na pesquisa na área de Biologia Estrutural de Macromoléculas.

Pesquisador nível 1A do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) desde 1987, já conquistou inúmeros prêmios e auxílios, como os da Fundação John Simon Guggenheim (1991); da International European Economic Community (1991); Prêmio Sendas em Doenças Infecciosas de Crianças (compartilhado, em 1995); Howard Hughes Medical Institute (1997-2002); Prêmio Nacional Unibanco em Medicina (compartilhado, em 1998); Auxílio Núcleos de Excelência do Ministério da Ciência e Tecnologia (1998); Cientista do Estado do Rio de Janeiro (em 2000, 2003, 2005, 2007, 2009); Ordem Nacional do Mérito Científico concedido pela Presidência da República do Brasil na classe de Comendador (2002) e na classe de Grã-Cruz (2009); Prêmio da Academia de Ciências para o Mundo em Deselvolvimento (TWAS) de Biologia (2006); Prêmio FCW 2009 em Ciência e Cultura da Fundação Conrado Wessel (2010).

É Membro Titular da Academia Brasileira de Ciências, da Academia de Ciências para o Mundo em Desenvolvimento (TWAS); e da COPEA (Coordenação de Programas de Estudos Avançados), da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Autor de mais de 140 artigos completos. Sua pesquisa tem sido publicada em revistas de alto índice de impacto. Presta assessoria para agências de fomento nacionais e internacionais, e para periódicos nacionais e internacionais. Seu laboratório tem prestado contribuição expressiva ao campo da biologia estrutural, enovelamento proteico, montagem viral e no entendimento dos mecanismos responsáveis pelo dobramento errado de proteínas, importante em muitas doenças humanas, que incluem Câncer, doenças de príons e doença de Parkinson.

Currículo Lattes