Área do acadêmico Transmissão ao vivo
EN PT ES

Militino Cesário Rosa

Nascido em 21 de agosto de 1900, em São Paulo de Muriaé (MG). Filho de Sérgio Cesário Rosa e de D. Maria Conceição Rosa. Graduou-se em Farmácia pela Escola de Farmácia Leopoldina, em 1921.

Na ocasião de sua posse na Academia Nacional de Medicina, apresentou memória intitulada “Contribuição para Síntese de Compostos Estilbêmicos que Possuem Atividade Estrogênica”. Na instituição, integrou por duas vezes a Diretoria como Presidente da Secção de Ciências Aplicadas à Medicina (1942-1943 e 1955-1957).

Lecionou a cadeira de Química Bromatológica e Toxicológica na Escola de Farmácia Leopoldina, a convite do Professor José Botelho Reis.

Foi Secretário Geral da Associação Brasileira de Farmacêuticos (1935-1936); Sócio Fundador da Academia Nacional de Farmácia e seu Vice-presidente nos biênios 1943-1945 e 1953-1955, além de Presidente no biênio 1957-1958.

Sócio da Associação Brasileira de Química; Sócio Honorário da Sociedade de Farmácia e Química de São Paulo e da União Farmacêutica de São Paulo; Sócio da Sociedade de Farmácia e Química do Rio Grande do Sul, da Associação Farmacêutica do Estado do Rio de Janeiro e da Associação Mineira de Farmacêuticos.

Sócio correspondente da Sociedade de Farmácia da Bahia e da Sociedade Norte-Riograndense de Farmácia; Sócio correspondente da Association de Química y Farmácia del Uruguay; Sócio da Association Farmacéutica y Bioquímica Argentina; Sócio do Colégio Farmacéutico Nacional de la Habana (Cuba) e da Academia de Cultura Guarany, de Assunción (Paraguay).

Membro titular da Societé Chimique de France, da Societé de Chimie Biologique e da American Chemical Society.

Faleceu em 03 de agosto de 1959.

Informações do Acadêmico

Número acadêmico: 375

Cadeira: 99 - Oscar Frederico de Souza

Membro: Titular

Secção: Ciencias aplicadas à Medicina

Eleição: 26/06/1941

Posse: 26/06/1941

Sob a presidência: Aloysio de Castro

Saudado: Abel Elias de Oliveira

Antecessor: Balduino de Azevedo Feio

Falecimento: 03/08/1959

Informações do Acadêmico

Número acadêmico: 375

Cadeira: 99 - Oscar Frederico de Souza

Membro: Titular

Secção: Ciencias aplicadas à Medicina

Eleição: 26/06/1941

Posse: 26/06/1941

Sob a presidência: Aloysio de Castro

Saudado: Abel Elias de Oliveira

Antecessor: Balduino de Azevedo Feio

Falecimento: 03/08/1959

Nascido em 21 de agosto de 1900, em São Paulo de Muriaé (MG). Filho de Sérgio Cesário Rosa e de D. Maria Conceição Rosa. Graduou-se em Farmácia pela Escola de Farmácia Leopoldina, em 1921.

Na ocasião de sua posse na Academia Nacional de Medicina, apresentou memória intitulada “Contribuição para Síntese de Compostos Estilbêmicos que Possuem Atividade Estrogênica”. Na instituição, integrou por duas vezes a Diretoria como Presidente da Secção de Ciências Aplicadas à Medicina (1942-1943 e 1955-1957).

Lecionou a cadeira de Química Bromatológica e Toxicológica na Escola de Farmácia Leopoldina, a convite do Professor José Botelho Reis.

Foi Secretário Geral da Associação Brasileira de Farmacêuticos (1935-1936); Sócio Fundador da Academia Nacional de Farmácia e seu Vice-presidente nos biênios 1943-1945 e 1953-1955, além de Presidente no biênio 1957-1958.

Sócio da Associação Brasileira de Química; Sócio Honorário da Sociedade de Farmácia e Química de São Paulo e da União Farmacêutica de São Paulo; Sócio da Sociedade de Farmácia e Química do Rio Grande do Sul, da Associação Farmacêutica do Estado do Rio de Janeiro e da Associação Mineira de Farmacêuticos.

Sócio correspondente da Sociedade de Farmácia da Bahia e da Sociedade Norte-Riograndense de Farmácia; Sócio correspondente da Association de Química y Farmácia del Uruguay; Sócio da Association Farmacéutica y Bioquímica Argentina; Sócio do Colégio Farmacéutico Nacional de la Habana (Cuba) e da Academia de Cultura Guarany, de Assunción (Paraguay).

Membro titular da Societé Chimique de France, da Societé de Chimie Biologique e da American Chemical Society.

Faleceu em 03 de agosto de 1959.